Ter uma casa bonita, moderna, bem decorada e elegante é o desejo de toda mulher. Nesse sentido, um dos principais sonhos de consumo de quem procura ter uma casa sempre arrumada é o enxoval perfeito.

Na hora de comprar novas peças, no entanto, muitas mulheres se veem numa dúvida cruel: a quantidade de fios na roupa de cama faz diferença para o conforto da minha família? Como escolher os lençóis mais macios e que vão proporcionar aquela sensação de “cama de hotel”?

Se você também tem essas dúvidas, não se preocupe! No artigo de hoje vamos te ajudar a conhecer algumas das opções disponíveis no mercado e a esclarecer de vez como a roupa de cama pode ajudar na qualidade de vida, no bem-estar e na qualidade do seu sono.

Confira!

A quantidade de fios importa?

Sim, a quantidade de fios faz toda a diferença na qualidade do produto. Isso acontece porque o número de fios se refere à quantidade utilizada na confecção de cada polegada do tecido. De uma forma geral, eles variam entre 180 e 1.000 fios.

Normalmente, quanto mais fios, melhor a qualidade do tecido. No entanto, isso não significa que roupas de cama com 200 ou 400 fios não tenham uma ótima qualidade, já que também é importante observar os tipos de acabamento e de tratamento dado ao tecido.

Quais são os principais tecidos e suas características?

Como a quantidade de fios na roupa de cama muda de tecido para tecido, fizemos uma listinha com cada um dos tipos disponíveis mercado para que você entenda um pouco mais sobre as suas características. Acompanhe!

Percal

É o lençol feito a partir de 180 fios. Ele pode ser puro (100% algodão) ou misto (50% algodão e 50% poliéster). Os puros costumam ser um pouco mais caros, apesar de serem tecidos mais frescos. Os mistos são mais baratos e mais fáceis de passar, mas com o tempo de uso e de lavagem podem apresentar aquelas bolinhas de desgaste.

Microfibra

É um dos tecidos mais procurados ultimamente. É macio, antialérgico e resistente ideal para o dia a dia. Entre as principais vantagens desse tecido podemos dizer que ele possibilita trocas térmicas e seca rápido. Como a microfibra é um tecido sintético de poliéster, está na categoria dos 180 fios.

Malha

Também é feita com 100% de algodão e tem 200 fios, mas seu diferencial é a trama dos fios, que proporcionam a vantagem de não precisar passar! Além disso, ele é uma opção excelente para a roupa de cama da criançada é antialérgico, muito macio e tem um preço bastante acessível.

Cetim

Este tem sua parcela de nobreza garantida. Feito a partir da seda, com tramas bem fechadas, o cetim pode ser adquirido a preços acessíveis, o que garante um ótimo custo-benefício. Esse tipo de tecido ganhou espaço no mercado por ser leve, fresco, macio e fácil de passar.

Seda

Apesar de natural, a seda costuma reter calor, o que não faz com que ela perca a fama de tecido nobre. O preço é alto, mas vale o investimento: maciez extrema e toque aveludado em seus mais de 600 fios.

Linho

Apesar de ser um tipo de tecido engomado e de também reter calor, ao longo do tempo de uso o linho vai adquirindo maciez. Sua durabilidade é incontestável e é sua principal vantagem.

Algodão egípcio

Famoso por ser o algodão mais fino e elegante que existe, o egípcio tem fibras longas, macias e resistentes. O preço pode ser salgado, mas a qualidade é inquestionável: alta durabilidade e grande maciez no toque de seus 1.000 fios.

Agora que você já sabe que a quantidade de fios na roupa de cama pode ser um fator decisivo na hora de escolher os seus lençóis, invista no conforto de sua família! Se você deseja saber mais sobre como deixar sua casa estilosa e requintada, assine a nossa newsletter e esteja sempre bem informada!